Materiais odontológicos

Tipos de fio dental: conheça todos eles

Tipos de fio dental

Todas as pessoas sabem quantas vezes se deve escovar os dentes ao dia, pois desde crianças somos ensinados que é após as refeições, ou seja, 3 vezes ao dia, pelo menos. Porém, com o fio dental é um pouco diferente. Nem todas conhecem os tipos de fio dental, nem a maneira correta de utilizá-lo.

Algumas pessoas amam, outras odeiam, porém, o fio dental é essencial para que a higiene bucal fique completa, afinal, somente a escovação não realiza a higiene bucal necessária para manter a saúde dos dentes. Sendo assim, é necessário complementar com o fio dental, pois o mesmo, permite chegar em áreas que a escova não consegue alcançar, como entre os dentes e abaixo da linha das gengivas.

Além disso, também ajuda a eliminar a placa, evitando diversos problemas bucais como gengivite, periodontite, cáries, e ajudando até mesmo no mau hálito. Porém, o uso do fio dental não é uma prática comum em todas as famílias, apesar de necessária. Dessa maneira, é muito importante o dentista sempre orientar seu uso.

O que é fio dental?

O fio dental é um item de higiene bucal feito para remover a placa bacteriana e outros resíduos que ficam agarrados entre os dentes, onde as cerdas da escova de dentes não conseguem alcançar. O produto também realiza a limpeza da região subgengival, diminuindo o mau hálito, gengivite, perda óssea interdental, periodontite, cáries, manchas nos dentes, entre outras doenças bucais.

Quando usar?

O fio dental deve ser usado preferencialmente antes da escovação, e após cada refeição, isto é, pelo menos três vezes ao dia. Muitas vezes, quando as pessoas deixam para usar depois, elas realizam a escovação e acabam sentindo que já completaram a limpeza, deixando o fio de lado. Além disso, quando usado previamente, esse item remove toda a placa que fica entre os dentes e depois a escova complementa a limpeza.

Já para pessoas ocupadas, é ideal que utilize o fio dental ao menos uma vez por dia, preferencialmente na última escovação (durante a noite).

Você sabe a diferença e para qual fim cada modelo de fio dental é indicado?

De modo geral, existem no mercado cinco tipos de fio dental. Mas, antes de entender como eles se diferenciam, é importante saber que isso não representa maior ou menor eficácia.  

Todos são ótimos. Entretanto, alguns deles são indicados para situações específicas.

Conheça todos os tipos de fio dental: 

Embora existam vários tipos disponíveis no mercado, os principais são os seguintes:

Monofilamentoso

Como o próprio nome sugere, só tem um filamento, sendo mais fino que a maioria. Tem uma chance mais baixa de se romper ou desfiar, indicado para pessoas com pouco espaço entre os dentes.

Multifilamentoso

Contém vários fios de nylon que, por se abrirem, conseguem alcançar uma área maior. No entanto, suas fibras são frágeis, apresentando maior chance de se desfiarem. Pessoas que apresentam espaçamento maior entre os dentes se adaptam melhor a esse tipo.

Super Floss

O chamado super floss foi desenvolvido especialmente para pessoas com aparelhos ortodônticos, coroas, pontes ou implantes. Já que a limpeza nesse caso é um pouco detalhada, esse fio tem a tarefa de remover toda placa bacteriana de um jeito muito mais fácil. Tem três partes: uma mais rígida, uma rede de fibras esponjosas (útil para a limpeza das faces Inter proximais) e o fio regular (para a limpeza da linha gengival).

Fio dental com haste

O fio dental com haste possui uma tecnologia para você fazer uma limpeza mais profunda dos dentes. Ele é uma ferramenta de plástico com uma ponta em forma de curva que segura um pedaço de fio dental. A sua outra ponta possui um pequeno palito de plástico que retira grandes partículas de comida que podem ficar presas na linha da gengiva ou entre os dentes. Dessa forma, ajuda a alcançar, principalmente, os dentes do fundo. Esse é um dos tipos de fio dental mais práticos de utilizar, pois não precisa enrolar nos dedos, porém tem a desvantagem de ser apenas um pequeno fio para fazer a limpeza de todos os dentes. 

Passa fio

O passa fio é um acessório que também ajuda muito as pessoas que possuem algum tipo de aparelho ou implante nos dentes. Ele é feito de plástico e possui formato de agulha, que serve para auxiliar a entrada do fio dental dentro do aparelho entre os dentes. Para usar, basta amarrar o fio dental na entrada do acessório e realizar a limpeza.

Além desses tipos, os principais, ainda existem alguns outros, como: 

Para as crianças

Certamente essa não é a atividade mais divertida para ensinar aos pequenos, mas é de extrema importância construir este hábito nas crianças desde cedo. Crianças podem e devem utilizar o fio dental, e por volta dos 5 a 7 anos, você já pode passar as instruções. Para estimular o uso do fio dental, há no mercado produtos próprios para o uso infantil, com sabores diferentes e também com personagens divertidos.

Com ou sem cera

Alguns fios possuem uma substância parecida com uma cera. Se a sensação de passar o fio entre os dentes incomoda, experimente utilizar o fio encerado. Ela ajuda a tornar a passagem do fio dental mais suave entre os dentes. Portanto, dê preferência aos tipos com cera.

Quais doenças o uso do fio dental pode evitar?

Ter dentes e gengivas sensíveis que sangram com facilidade, utilizar aparelho ortodôntico, ou próteses dentárias, são alguns dos motivos pelos quais as pessoas evitam o uso do fio dental. Da mesma forma, também há quem ache o manuseio complicado, ou não consiga convencer os filhos a usar.

Entretanto, o que muita gente não sabe é que estes sangramentos também podem ser um sinal de que a gengiva não está saudável, devido a uma higiene bucal incorreta ou incompleta. O fio consegue alcançar lugares que a escova não alcança, e assim remove restos de comida e também a placa bacteriana. Abaixo, estão os males que uma boa higiene bucal pode evitar:

Como fazer o uso correto do fio dental?

  • Enrole cerca de 40 centímetros do fio em volta do seu dedo médio, deixando dez centímetros entre os dedos.
  • Segure o fio dental entre o polegar e o indicador das duas mãos, depois o deslize levemente para cima e para baixo entre os dentes.
  • Passe também, cuidadosamente, ao redor da base de cada dente, até a linha de junção do dente com a gengiva. Não force o fio contra a gengiva, ele pode acabar machucando, ou cortando o tecido gengival.
  • Use uma parte nova do pedaço de fio dental a cada novo dente a ser limpo.
  • Para tirar o fio, faça movimentos de trás para frente, retirando do meio dos dentes.

Como escolher o fio dental?

Todos esses tipos de fio dental são eficazes na limpeza dos dentes, mas dependendo da sua dentição, eles podem ser mais ou menos confortáveis. Por isso:

  • se os seus dentes são mais alinhados, o monofilamento é melhor;
  • em contrapartida, se os seus dentes são mais separados ou muito juntos, o multifilamento é mais adequado;
  • quando o paciente usa aparelhos fixos ou tem próteses, o ideal é utilizar o passa fio, ou o super floss;
  • Por fim, se apresenta dificuldades motoras para passar o fio, aqueles com haste são uma excelente opção.

    Concluindo, não importa qual seja a escolha: o importante é sempre orientar o paciente, a não deixar o fio dental de fora da rotina!

Ainda está em dúvida?

Faça o teste gratuito agora por 7 dias.