Procedimento Estético

Skinbooster: tudo sobre essa técnica inovadora

skinbooster

O Skinbooster, também conhecido como hidratação injetável, traduzido do inglês significa “impulsionador da pele”. Partindo dessa tradução, esse procedimento foi criado com objetivo de promover uma hidratação rápida e intensa à pele e vem ganhando bastante destaque nas clínicas.

Dito isso, este artigo visa esclarecer todas as dúvidas acerca da hidratação injetável, assim como contraindicações, etc.

O que é Skinbooster

O Skinbooster é um procedimento no qual são injetadas substâncias hidratantes e revitalizantes na pele nos locais escolhidos pelo paciente, visando melhorar a estrutura da pele, diminuindo a elasticidade e linhas de expressão com uma hidratação intensa.

Na hidratação injetável utiliza-se o ácido hialurônico, semelhante ao utilizado nos preenchimentos faciais. Entretanto, uma diferença considerável está na viscosidade do ácido, uma vez que o utilizado nos preenchimentos são mais viscosos.

O ácido hialurônico é uma substância naturalmente encontrada no organismo humano, o que torna o procedimento seguro. Ele tem a capacidade de reter água, contribuindo para a hidratação e plenitude da pele. Dessa maneira, ao injetar o ácido hialurônico em camadas mais profundas da pele, o skinbooster ajuda a melhorar a hidratação e, além disso, estimula a produção de colágeno, que é uma proteína essencial para a firmeza e a saúde da pele.

Quanto tempo dura o efeito do Skinbooster?

A duração do efeito do skinbooster varia, uma vez que depende de diversos fatores, como: tipo de produto utilizado, a qualidade da aplicação, o metabolismo individual, os cuidados do paciente pós-tratamento, etc.

Geralmente, os efeitos duram em média um ano, depois desse período, o paciente pode procurar o profissional para uma nova avaliação e, caso necessário, realizar sessões de manutenção. As sessões também podem ser separadas, por exemplo, em 3 momentos com intervalo de 15 a 30 dias.

Como é feito o skinbooster?

Aplicação

O procedimento de hidratação injetável acontece em algumas etapas, antes, durante e depois da aplicação do produto em si.

Os principais passos do procedimento podem ser separados em:

  1. Primeira avaliação: Como qualquer tratamento, é importante que o paciente faça uma consulta inicial para que o profissional consiga avaliar a pele do paciente e alinhe as expectativas.
  2. Preparação da pele: Já no dia do tratamento, a preparação consiste na limpeza da pele e, em alguns casos, a aplicação de um creme anestésico tópico para pacientes mais sensíveis a injeções. Apesar disso, vale ressaltar que o procedimento é praticamente indolor, já que as agulhas utilizadas são bem finas.
  3. Aplicação do produto: O profissional usará uma agulha fina para injetar o ácido hialurônico nas camadas profundas da pele.
  4. Massagem: Após a aplicação das injeções, recomenda-se que o profissional faça uma massagem suave na área tratada, buscando uma distribuição uniforme do produto em toda área.
  5. Recomendações pós-Tratamento: Recomenda-se que todo profissional oriente seu paciente acerca dos cuidados pós-tratamento, uma vez que, apesar de simples e seguro, os cuidados após importam para o resultado satisfatório. Dito isso, a orientação inclui: evitar maquiagem por um tempo, evitar exposição solar direta, e usar protetor solar regularmente.
  6. Sessões de manutenção: Após o tempo de efeito de em média 12 meses, sessões de manutenção podem ser necessárias. Para entender a real necessidade, o profissional deve reavaliar o paciente e realinhar os desejos e expectativas.

5 benefícios do Skinbooster

Antes e depois

Como foi citado, o skinbooster promove diversos benefícios para a saúde e a aparência da pele.

Alguns dos principais benefícios incluem:

1. Melhora do aspecto da pele:

Devido ao ácido hialurônico presente no skinbooster que tem a capacidade de atrair e reter água, o procedimento proporciona uma hidratação intensa. Ao melhorar a hidratação o tecido volta com sua capacidade funcional, melhorando o aspecto em geral da pele.

Além disso, com essa hidratação e o estímulo de colágeno, há uma melhora na elasticidade e firmeza da pele, aumento do brilho e as linhas de expressão e rugas diminuem, deixando a pele com aspecto mais jovem.

2. Tratamento para cicatrizes de acne:

Devido à capacidade que o ácido hialurônico possui de preencher os espaços entre as células, também é um procedimento alternativo para pacientes que se incomodam com cicatrizes causadas por acnes.

3. Tratamento de olheiras:

As olheiras também proporcionam desconforto em alguns pacientes e podem ser preenchidas com o skinbooster, que irá hidratar e preencher depressões abaixo dos olhos.

4. Tratamento preventivo: 

Apesar da variedade de soluções oferecidas pelo skinbooster, alguns pacientes o utilizam apenas medida preventiva, uma vez que o ácido hialurônico e o colágeno são substâncias presentes no corpo humano, mas que a produção diminui com o passar da idade.

5. Não é necessário repouso:

Por ser um procedimento simples, com média de duração de 10 minutos, o paciente pode voltar às atividades cotidianas logo após o tratamento.

Skinbooster ou botox? 

Apesar de serem procedimentos distintos, muitos pacientes ainda ficam com dúvida em relação às diferenças entre o skinbooster e o Botox.

Como foi dito, o skinbooster envolve a injeção de ácido hialurônico, nas camadas mais profundas da pele. Ele será responsável por promover uma hidratação intensa que suaviza as linhas finas e rugas, melhora a textura da pele e proporciona um brilho saudável.

Diferentemente, o Botox é uma substância derivada da toxina botulínica que age bloqueando temporariamente os sinais nervosos que causam a contração muscular. Isso leva a um relaxamento muscular controlado, frequentemente usado para suavizar e prevenir o surgimento de rugas, principalmente na região da testa, entre as sobrancelhas e pés de galinha. Logo, considera-se o Botox especialmente eficaz para reduzir a aparência de rugas causadas por movimentos repetitivos do músculo e mitigar a perda de volume facial.

5 regiões para aplicação de skinbooster

A hidratação injetável, apesar de ter o rosto como principal área escolhida pelos pacientes, também pode beneficiar várias outras partes do corpo que sofrem com a diminuição da hidratação e do colágeno com o envelhecimento.

Logo, apesar de escolha das áreas variar conforme as necessidades individuais do paciente, é possível citar alguns dos locais mais comuns onde o skinbooster pode proporcionar benefícios, como:

  • Lábios
  • Pescoço e colo
  • Braços
  • Mãos e dorso das mãos
  • Colo e Decote

Contraindicações do skinbooster

Apesar de apresentarem poucos os riscos, existem algumas contraindicações a se considerar antes de iniciar um procedimento de skinbooster em um paciente.

Algumas contraindicações incluem: alergias conhecidas a ingredientes presentes nos produtos, infecções ativas na área de tratamento, gravidez e amamentação, doenças autoimunes e histórico de cicatrização anormal.

Dito isso, apesar de um procedimento considerado seguro, é importante que o profissional faça uma anamnese completa e tenha segurança que o paciente não se encaixa em nenhum grupo de risco.

Ainda está em dúvida?

Faça o teste gratuito agora por 7 dias.