Doenças odontológicas

Siso inflamado: causas, tratamentos e muito mais

Siso inflamado

Os terceiros molares, conhecidos como sisos, são os últimos a crescerem e, devido a isso e outros fatores, são motivo recorrente de idas em dentistas. É comum, pacientes relatarem incomodo e dor na região, que pode ser em decorrência do siso inflamado. Dito isso, confira abaixo possíveis motivos dessa inflamação, como ajudar seu paciente e muito mais. 

Por que dentes sisos inflamam?

A inflamação nos terceiros molares pode ser causada por diversos motivos. Por serem os últimos a erupcionar na arcada dentária, na maioria das vezes, se deparam com obstáculos nesse processo, e não encontram mais espaço suficiente para irromper na cavidade bucal, tornando-se um dente siso incluso. 

Siso incluso
Siso incluso

Os dentes sisos inclusos ficam retidos no osso sob a gengiva, sendo assintomáticos. Porém, quando acompanhado de sintomas, pode apresentar inflamação na região, causando dor e até dificuldade para alimentar.                                                                       

Essa inflamação no tecido gengival, denominada pericoronarite, causada pelos dentes sisos semi-erupcionados, pode evoluir para infecção pericoronária, que está ligada à entrada e proliferação de bactérias pelo sulco que existe entre a coroa e a gengiva.

Pericoronarite
Pericoronarite

Essa presença de bactérias acontece, pois se forma um espaço que gera acumulo de restos de alimentos, tornando essa região um local de difícil higienização. 

Quais os sintomas de um siso inflamado? 

Dor no siso
Dor no siso inflamado

É muito importante que os pacientes recorram ao dentista o mais rápido possível, pois, quando negligenciam, o quadro pode evoluir para infecções mais graves. Por isso, é importante que saibam, que ao sentirem os seguintes sintomas, devem recorrer a um profissional da área:

  • Dor, vermelhidão e inchaço na gengiva ao redor do dente
  • Incômodo ao abrir a boca
  • Mau hálito e gosto ruim na boca
  • Espasmo muscular
  • Febre e calafrios

Como tratar dente siso inflamado:

O tratamento realizado vai depender do grau da inflamação do paciente, que pode ser leve ou avançada. 

No caso de inflamações ainda leves, é orientado, principalmente, que o paciente faça sempre uma higienização correta do local, para não agravar o caso. Logo, o dentista pode auxiliá-lo mostrando como se faz uma escovação completa, focando nos locais que são mais difíceis de serem escovados. 

Além disso, também é possível fazer uma ulotomia, já que esse procedimento ajuda o dente incluso a ter espaço para crescer, o que pode ajudar o terceiro molar a sair da gengiva e diminuir a dor e o desconforto. 

quando a inflamação está em um quadro avançado, o uso de antibióticos costuma ser indicado, também em conjunto com a correta escovação dos dentes. E, para esse tratamento, é muito importante que o paciente procure um especialista. Com um acompanhamento a cada 2 ou 3 dias, o especialista conseguirá impedir que a inflamação agrave. 

Siso inflamado pode ser extraído?

Extração do dente siso
Extração do dente siso

De acordo com estudos, a remoção de elemento com pericoronarite não é uma boa opção, pois pode evoluir para infecções mais sérias, por exemplo, em espaços faciais profundos, que pode ser mais agressiva e até fatal. 

Mas, caso o dentista opte por realizar essa extração, ele deve ter alguns cuidados.

O profissional pode, além de prescrever antibióticos antes da cirurgia para combater a condição, pode também escolher por drenar o pus do local. Efetua-se esses cuidados para não espalhar a infecção para outras áreas da boca.  

Caso o paciente não tenha uma infecção séria, o dentista pode também realizar um procedimento durante a anestesia, diferente do tradicional, para não ser necessário aplicar a anestesia no nervo já prejudicado pela inflamação. Sendo assim, alguns especialistas aplicam a anestesia um pouco mais longe do nervo do dente que será extraído, pegando um nervo maior na boca.

Ao fazerem isso, anestesiam um nervo responsável pela sensibilidade de uma área maior da boca, e não causam maior desconforto naquele já inflamado.

Como diminuir os sintomas dos sisos inflamados 

É importante ressaltar que essas são algumas dicas que irão, apenas, ajudar a aliviar os sintomas, e não tratar a inflamação. Dessa forma, é imprescindível o paciente não substituir uma consulta com o dentista. 

Ajuste sua alimentação

A mastigação de alimentos mais consistentes ou duros pode machucar ainda mais a área que já está mais sensível e causar desconforto. Por isso recomenda-se que pacientes tenham uma alimentação baseada em alimentos macios, pastosos ou líquidos por esse tempo. 

Também é importante se atentar a temperaturas das refeições, que, se muito quentes, podem agredir a área. Ademais, também deve evitar alimentos com temperos picantes e frutas cítricas. 

Bochecho com água morna e sal 

Essa misturinha caseira pode ajudar a aliviar as dores dos dentes, pois consegue acalmar a área e ajuda a retirar resíduos de alimentos. 

Compressa próxima à região 

As compressas mornas, próximas à região do dente inflamado, aplicadas várias vezes ao dia, aliviam os sintomas de dor e latejamento. 

Higienização correta do local 

Como já dissemos algumas vezes, a higienização dos dentes é um fator de extrema importância, que, se não feita corretamente, pode ser responsável por agravar a inflamação, então, é imprescindível que o paciente tome cuidado na hora da escovação para não esquecer de limpar aquela região

Dente siso inflamado durante a gravidez, e agora? 

Devido às mudanças hormonais, as gestantes acabam ficando mais vulneráveis, e com isso podem ter alguns casos de dores no dente.

Não é raro grávidas com sisos inflamados e com dúvidas de como proceder. Porém, devido ao período delicado de uma gestação, são necessários alguns cuidados. Por isso, é muito importante ressaltar que, primeiramente, o dentista deve recomendar que a paciente procure seu médico obstetra que está lhe acompanhando durante a gestação. 

Com o acompanhamento do médico obstetra, em conjunto com o dentista, será possível analisar a possibilidade de utilização de determinados medicamentos para diminuir a inflamação, conforme o grau do caso, sem comprometer em nada o período gestacional e a formação do bebê. 

Conclusão

É possível concluir que uma das principais causas da inflamação nos sisos é a falta de uma higienização correta. Logo, por serem frequentes e responsáveis por causarem muito desconforto aos pacientes, é muito importante que dentistas ressaltem sempre a importância de uma boa higienização bucal e alertem sobre possíveis sintomas, para ocorrer a detecção o mais rápido possível.

Ainda está em dúvida?

Faça o teste gratuito agora por 7 dias.