Empreendedorismo

Quanto ganha um dentista com consultório próprio?

Quanto ganha um dentista com consultório próprio

Quanto ganha um dentista com consultório próprio é um dos primeiros questionamentos que surgem desde a graduação até o dentista formado. Os profissionais que optam por abrir o próprio consultório, de forma geral, conseguem uma boa margem de lucro e, ainda, contam com o benefício de realizar suas próprias agendas e possuir horários flexíveis.

Mas, para ter um consultório próprio, o dentista precisa investir em uma boa infraestrutura, possuir materiais de qualidade, ter uma boa comunicação na recepção dos pacientes e, claro, cuidar do marketing do consultório.

Vamos te mostrar algumas médias salariais conforme as especializações, veja:

Qual é a média salarial do dentista?

É necessário saber que o salário do dentista é regulamentado por Lei Federal. Segundo o art. 5° da Lei n.º 3.999/61, o salário mínimo do dentista tem que ser três vezes o valor do salário mínimo vigente para uma carga horária de 20 horas semanais. 

Sendo assim, o piso salarial é definido como padrão para a iniciativa privada, porque os cargos públicos seguem outro regime de remuneração. Além disso, para definir a média salarial, também é considerada algumas informações sobre o CRO, que variam consoante as regiões do país.

Dessa forma, podemos perceber que não tem como definir exatamente quanto ganha um dentista com consultório próprio. Pois ele tem a possibilidade de definir seu pró-labore, e aumentar a rentabilidade da sua clínica através da implementação de novos serviços, parcerias, etc.

Possibilidades de carreira e média salarial para um dentista

Escolher onde seguir carreira não é uma tarefa fácil, ainda mais dentro da odontologia que existem diversas especializações. É fundamental que você conheça todas as ramificações da profissão, e saiba que você pode atuar com especializações desde as mais tradicionais, como saúde bucal de crianças e ortodontia, até em novas áreas como a área da estética.

Diante das informações já apresentadas, vamos entender de forma detalhada o que faz e quanto ganha um dentista com consultório próprio para cada especialidade odontológica, veja abaixo:

Quanto ganha um bucomaxilo

Bucomaxilo é uma especialidade bem generalizada da Odontologia. Os profissionais dentistas que são especializados nesta área possuem um panorama maior de atuação, já que dispõe de conhecimentos mais generalistas sobre todas as áreas bucais.

O dentista, é o primeiro contato que qualquer paciente tem ao necessitar de cuidados na saúde oral. Sendo assim, ele será o responsável por fazer as análises iniciais, solucionar os problemas básicos ou precisar, em alguns casos específicos, encaminhar para um profissional especializado.

Os procedimentos que esse profissional pode realizar vão desde a prevenção e tratamento de doenças bucais, até solicitações e análises de radiografias. Além de também poder realizar limpezas, aplicação de flúor e cirurgias de pequeno porte, como remoção de sisos ou implantes dentários.

O profissional que atua especificamente como cirurgião bucomaxilofacial, encontra uma cartela abrangente de opções de trabalho. Por possuir uma alta flexibilidade para seus atendimentos. Sendo assim, um dentista com consultório próprio dessa especialidade, pode ganhar em média R$ 4.597,00.

Quanto ganha um dentista implantodontista

O implantodontista é o profissional que trabalha na reabilitação da arcada dentária por meio de implantes dentários, que atua tanto por análise direta quanto por encaminhamento. O dentista que trabalha com essa especialidade faz toda a aplicação dos materiais das armações onde ficarão fixados os implantes do paciente.

A demanda para este tipo de ramificação da odontologia é bastante alta se considerarmos a quantidade anual de implantes no Brasil. Dessa forma, um dentista com consultório próprio atuando na área de implantes, tem uma média salarial de R$ 4.282,00.

Quanto ganha um odontopediatria

A especialização em odontopediatria é a área da odontologia direcionada para todo o público infantil. Entre as diversas formas de atuação, comumente o dentista precisa lidar com a fala, mastigação e preservação dos dentes de leite de seus pequenos pacientes.

Eles têm a difícil responsabilidade de tornar toda ida ao dentista, que pode ser um pouco assustadora para algumas crianças, uma experiência mais leve e agradável, além de orientar os pais sobre todos os cuidados que devemos ter com a saúde bucal infantil.

Em termos financeiros a média na odontopediatria fica em torno de R$ 4.710,00.

Quanto ganha um endodontista

O especialista em endodontia é responsável por tratar de lesões dentárias ligadas às raízes e as polpas dos dentes. Esses são casos que geralmente é necessário realizar cirurgias de maiores complexidades. Sua função é avaliar a magnitude dos danos, diagnosticar e tratar possíveis avarias relacionadas aos nervos, fraturas e cáries não tratadas que tomaram maiores proporções.

Ao avaliarmos qual o salário mensal de um endodontista, encontramos em média um valor de R$ 4.689,00. Porém, esse valor pode variar de profissional para profissional, em que alguns chegam a faturar até R$ 6.028,00.

Quanto ganha um dentista da área estética

A Odontologia Estética é atualmente, uma das áreas que mais crescem dentro das ramificações da odontologia. O aumento da procura, geralmente, é devido ao aumento da vaidade e autoestima de diversos pacientes que procuram cada vez mais procedimentos ligados à estética facial.

Dessa forma, o profissional especializado nesta área é bastante procurado por suas especialidades de clareamento dentários e procedimentos como os de Harmonização Facial.

Mas quanto ganha um dentista com consultório próprio especializado em estética? A estimativa é que inicialmente o valor médio salarial de R$ 3.951,94. Sendo assim, o valor vai variar conforme o procedimento realizado.

E quanto ganha um dentista que trabalha com convênios no consultório?

Outra opção de trabalho para dentistas que possuem seu próprio consultório são a filiação com convênio. Sendo assim, trabalhar com convênios, como planos de saúde e planos odontológicos, também é outra forma de renda para profissionais.

Nesses casos, a empresa faz contratos com profissionais, e ao entrar no convênio ao mesmo tempo, ganhar melhor conforme o volume de pacientes.

O paciente efetua o pagamento diretamente ao plano e não ao profissional na maioria das vezes. Por outro lado, o plano fará os descontos combinados com o profissional e repassará o valor estimado em um prazo determinado.

O convênio é uma opção vantajosa para os pacientes, que provavelmente terão menores custos para serem atendidos e, ao mesmo tempo, podem ser pagos pela empresa onde trabalham.

Não há uma média salarial bem definida nesses casos, pois tudo dependerá do acordo feito com o convênio, bem como o número de pacientes atendidos.

Ainda está em dúvida?

Faça o teste gratuito agora por 7 dias.