Tratamentos odontológicos

Quanto custa um clareamento dental: isso e muito mais

quanto custa clareamento dental

O clareamento dental é um dos procedimentos mais procurados por pacientes nas clínicas odontológicas, visando obter um sorriso branco e radiante, sendo questionamento comum entre os pacientes, quanto custa um clareamento dental.

Todavia, para os profissionais da odontologia, precificar este procedimento é complexo, visto que este deve atender às singularidades de cada paciente.

Assim sendo, este artigo busca discorrer acerca da escolha ideal entre os tipos de clareamento dental, existentes no mercado, passeando pelo mecanismo fisiológico deste, o uso de luz, valor, além das indicações acerca dos dentes sensíveis.

Boa leitura!

O que é clareamento dental?

O clareamento dental é o procedimento odontológico que visa o branqueamento dos dentes através da ação química do gel clareador.

Por consequência da ação do peróxido de hidrogênio (H₂O₂) e o peróxido de carbamida (CH6N2O3), ocorre a despigmentação dos dentes.

Qual o mecanismo de ação do clareamento dental?

Para que o clareamento dental ocorra, é necessária a ação de substâncias capazes de reagir na estrutura dental de modo a clarear o dente.

Assim sendo, o peróxido de hidrogênio e o peróxido de carbamida, agem liberando o oxigênio ativo, penetrando a estrutura dentária, oxidando os pigmentos presentes no dente.

Em síntese, tais substâncias, em contato com os túbulos dentinários, quebram as moléculas de pigmento, causadoras da coloração indesejada, tornando os dentes mais claros.

Consequentemente, devido à coloração individual dos dentes de cada paciente, a ação do agente clareador não pode definir a cor final possivelmente desejada por este, cabendo ao profissional o esclarecimento quanto aos resultados do procedimento.

Em virtude da ação do gel clareador, o dentista deve orientar o paciente anteriormente a realização do clareamento dental.

Desse modo, incluir tais variantes no termo de consentimento esclarecido para ciência do profissional e paciente.

Manejo clínico voltado para realização do clareamento dentário

No momento da avaliação odontológica, o dentista deve observar a condição bucal geral do paciente antes de realizar o clareamento dental.

Uma vez que o paciente deseje realizar o clareamento dental, o dentista deve avaliar se há presença de tártaro sub ou supra gengival, além de restaurações em resina composta na região a clarear.

A conduta clínica inclui a limpeza com ponteira ultrassônica ou curetas manuais, jatos profiláticos, além da coleta de informações acerca de sensibilidade dental.

Portanto, tais etapas influenciam no resultado do clareamento, bem como na escolha da modalidade que será realizada, e concentração do gel a ser indicada.

Sensibilidade e clareamento dental

Pacientes com sensibilidade dental podem realizar clareamento dental, porém necessitam de precauções adequadas.

A sensibilidade pode ocorrer por consequência do processo de desmineralização temporária do esmalte durante o clareamento.

Nesse sentido, recomenda-se que o dentista avalie a sensibilidade prévia do paciente, fornecendo medidas preventivas anteriores ao clareamento dental.

Portanto, indica-se o uso de dessensibilizantes antes do clareamento dental, bem como durante o processo do procedimento e após este.

Atualmente existem diversos dessensibilizantes disponíveis no mercado usados para minimizar a sensibilidade decorrente do clareamento dental.

Assim sendo, tais dessensibilizantes contém: nitrato de potássio, fluoreto de sódio, cloreto de estrôncio, arginina ou outros ingredientes para este fim.

Por certo, a escolha do dessensibilizante deve ser baseado nas necessidades e características individuais de cada paciente.

Tipos de clareamento dental e tempo de tratamento

No momento em que o dentista avalia o paciente para execução do clareamento dental, este pode ofertar duas modalidades de fazê-lo.

São eles:

  1. Clareamento de consultório;
  2. Clareamento caseiro.

No momento em que o profissional e paciente optam por uma das duas possibilidades de clareamento dental, o profissional indica para cada modalidade a concentração do gel clareador.

Clareamento caseiro

Clareamento caseiro

Neste método, o dentista fornece ao paciente uma moldeira personalizada ou universal, bem como a seringa contendo o gel clareador.

Todavia, o gel clareador dessa modalidade de clareamento dental precisa ser de menor concentração de peróxido.

Conforme a orientação do dentista, o paciente deve aplicar o gel na moldeira, utilizando-a em casa por um período específico.

Assim sendo, o paciente deve usá-la algumas horas por dia ou durante a noite.

O tempo de tratamento varia entre 1 a 4 semanas em virtude de alcançar o resultado desejado segundo a intensidade das manchas.

Clareamento de consultório

Clareamento a laser

O clareamento de consultório é realizado com o intuito de supervisão do dentista, visto que ocorre no consultório odontológico.

Dessa forma, o profissional administra doses maiores de concentração de peróxido, de modo a diminuir o tempo de tratamento para o paciente.

Por isso, o tempo médio de tratamento diminui, sendo realizado de 1 a 3 sessões, com duração média de 1 hora de aplicação.

Ocasionalmente, o dentista associa o uso de luz LED ou laser com o propósito de ativar o processo de clareamento.

Porém, a utilização desse recurso gera controvérsias entre dentistas e em evidências científicas.

Por isso, falaremos um pouco mais abaixo.

Uso de luz LED ou Laser no clareamento dental

Assim como dissemos anteriormente, há controvérsias clínicas e científicas acerca da eficácia do uso de luz LED ou laser, no clareamento dental.

Atualmente a comunidade científica investiga o uso de luz durante o clareamento dental, e certas evidências sugerem que a utilização desses recursos pode proporcionar resultados mais rápidos e efetivos.

Em contrapartida, outras evidências sugerem que o uso de luz no clareamento dental, indefere no resultado da ação do gel clareador ou, sugere que sua efetividade é mínima.

Portanto, não há um consenso definitivo sobre a eficácia da incidência de luz LED ou laser, em comparação ao clareamento sem o uso de tais tecnologias.

Sem dúvidas, estudos adicionais são necessários para que conclusões mais sólidas sejam fornecidas sobre este assunto.

Diante disto, fica a dúvida: quanto custa um clareamento dental?

Quanto custa um clareamento dental?

Em princípio o dentista deve analisar os fatores já descritos acima, acerca da individualidade de cada paciente.

Sempre que o profissional avalia o paciente, ele deve levar em conta a concentração do gel escolhido, a modalidade de clareamento a ser realizada, bem como a associação de dessensibilizantes em cada caso.

Além disso, a região geográfica do consultório odontológico, bem como o público alvo deste e sua infraestrutura, variam os valores finais do clareamento dental.

Juntamente com esses fatores, recomenda-se que o dentista considere o custo de materiais, o número de sessões necessárias, além do tempo necessário para o tratamento.

Ademais, deve considerar os gastos operacionais de modo a calcular um preço justo e sustentável para o clareamento dental.

Desse modo, os valores variam entre R$ 600,00 a R$2.500,00, de acordo com tais variantes apresentadas acima.

Portanto, conclui-se que para a precificação do clareamento dental, o dentista deve compreender o conjunto de fatores considerados para a realização deste.

Ou seja: compreender os mecanismos fisiológicos subjacentes ao clareamento dental, conhecendo os diferentes tipos deste tratamento, além da atualização ao nível das evidências científicas disponíveis acerca deste tema.

Além disso, o profissional deve estar ciente de tratamentos acessórios como o uso de dessensibilizantes para o sucesso e satisfação do paciente, para tornar este tratamento diferencial na fidelização deste.

Por fim, a prática odontológica baseada em evidência científica é fundamental para que o profissional forneça o clareamento dental de forma segura, de modo a promover a satisfação e o bem-estar dos pacientes.

Ainda está em dúvida?

Faça o teste gratuito agora por 7 dias.