Doenças odontológicas

Ponto preto no dente: o que pode ser?

ponto preto no dente

Ponto preto no dente é cárie? É perigoso? Essas são algumas dúvidas comuns que os dentistas recebem nos consultórios odontológicos quando os pacientes detectam essa mancha nos dentes. Entretanto, as manchas nos dentes podem ser recorrentes e podem apresentar ou não risco à saúde bucal do paciente. 

Sendo assim, este artigo busca explicar sobre possíveis causas de manchas e ponto preto no dente, além de explicar formas de diagnóstico, prevenção e como tirá-lo em diferentes casos. 

Ponto preto no dente é carie? 

Primeiramente, é necessário esclarecer que nem sempre que um paciente surgir alegando um ponto preto no dente significará cárie

A cárie deve ser sim um ponto de preocupação e qualquer indício do surgimento deve ser avaliado. Essa avaliação, geralmente, é feita com auxílio de uma sonda dental, que permite que o profissional sinta a textura da superfície do dente, detectando se aquela área com a mancha demonstra um esmalte saudável ou não. Também é possível a utilização de lasers de diagnóstico e corantes para o diagnóstico se aquele ponto é cárie ou não

Logo, apesar de nem sempre o ponto preto significar cárie, deve ser sempre avaliado para confirmar ou não a suspeita, uma vez que, se confirmado, o tratamento precoce é imprescindível. 

Como saber se é cárie ou não? 

Como o tratamento precoce de uma área careada é muito importante, vale ressaltar alguns sintomas comuns da cárie. Assim, o profissional consegue orientar seus pacientes e mantê-los sempre atentos para, quando sentirem um ou mais sintomas, irem ao consultório para o diagnóstico. 

Os sintomas mais comuns e característicos da cárie são:

  • dor no dente constante, principalmente ao mastigar
  • aumento da sensibilidade dos dentes
  • mau hálito persistente 

Além disso, outro ponto importante a ser alertado é que, em caso de cárie, as manchas nos dentes tendem a começar mais claras, devido à desmineralização que acontece no local. Logo, quando apresenta um ponto preto, pode já ser um sinal de alerta para um estágio mais avançado.

Por fim, o diagnóstico profissional é o que irá determinar, sendo assim, manter sempre os pacientes com consultas recorrentes é de extrema importância para mantê-los longe de problemas bucais mais sérios  

O que pode ser um ponto preto no dente?  

Afinal, se não for cárie, o que pode significar essa mancha escura no dente? Bom, existem algumas possíveis causas a serem consideradas, por exemplo:

Resto de alimentos e corantes

Principalmente os dentes posteriores, molares e pré-molares, apresentam sulcos e irregularidades que favorecem a deposição de restos de alimentos e também acumulam o pigmento de alguns ingredientes escuros ingeridos pelos pacientes, causando as manchas pretas. 

Bactérias

Existem algumas bactérias, principalmente associadas a cáries ou periodontite, que produzem substâncias, e quando em contato com a arcada dentária, podem resultar em descolorações, causando as manchas pretas.  

Restaurações antigas

Algumas restaurações dentárias realizadas, principalmente, com materiais como amálgama de prata, apresentam grande tendência de escurecerem o tempo, deixando manchas escuras nos dentes. 

Tabaco

A nicotina, substância química presente no tabaco, ao ser absorvida pela mucosa oral pode se depositar nos dentes, causando descoloração e, consequentemente, manchas nos dentes. 

Como tirar o ponto preto dos dentes?

Caso o ponto preto tenha sido causado por uma cárie, o dentista deve remover a área cariada quanto antes e depois realizar a restauração dentária. 

Já se a mancha tenha surgido por conta de restos de alimentos ou pigmentos, uma limpeza profissional deve ser o suficiente para retirá-la. Por fim, se forem já restaurações antigas e as manchas incomodarem o paciente, o dentista pode refazê-las usando outros materiais mais estéticos. 

Como evitar o surgimento de manchas nos dentes? 

Como foi dito anteriormente, a maioria das possíveis causas do surgimento de um ponto preto no dente é uma higienização bucal incorreta, acarretando cáries e acúmulo de alimentos. 

Logo, uma higienização correta e eficaz, no mínimo 3 vezes ao dia e com uso de fio dental diariamente e enxaguantes bucais, sem dúvida é uma forma de evitar. Mas, além disso, também é possível citar algumas orientações, como:

  • Evitar o consumo rotineiro de alimentos muito açucarados. Como chocolates, cafés, biscoitos recheados, etc. E, quando consumi-los, realizar a escovação quanto antes.
  • Evitar consumo de alimentos e bebidas muito pigmentadas. Para auxiliar, o canudo pode ser uma boa opção para diminuir o contato do pigmento das bebidas com os dentes
  • Evitar tabaco. Como o tabaco pode ser uma das causas, caso a estética dos dentes esteja incomodando os pacientes, a orientação de evitar e diminuir o fumo sem dúvidas deve ser realizada. Mas, caso não seja possível no momento, a escovação dos fumantes deve ser ainda mais regular.
  • Beber água: aumentar a ingestão hídrica é uma recomendação universal e, nesse caso, não seria diferente. O consumo de água durante o dia estimula a produção de saliva, que pode ajudar a remover alguns restos de alimentos presos nos dentes. 

Ainda está em dúvida?

Faça o teste gratuito agora por 7 dias.