Procedimento Estético

Lipo enzimática de papada: um guia completo

Lipo enzimática de papada

Na contramão dos tratamentos estéticos invasivos, a lipo enzimática de papada tornou-se uma excelente opção para quem deseja eliminar a indesejada gordura no queixo de forma mais simples e descomplicada.

Este procedimento apresenta inúmeras vantagens ao paciente, pois não necessita de intervenção cirúrgica e hospitalar.

A partir da aplicação do ácido deoxicólico, ocorre a quebra das moléculas de gordura, e em pouco tempo, observa-se os resultados deste procedimento que devolve muito mais que autoestima.

Neste artigo, mostraremos como é realizada a lipo enzimática de papada, assim como o tempo de duração, indicações e contraindicações, além de outras informações importantes sobre este tratamento.

Portanto, uma boa leitura!

O que é a lipo enzimática de papada

Quando falamos de lipo enzimática, estamos referindo a um procedimento o qual a molécula denominada ácido deoxicólico, age, metabolizando as células de gordura.

Este procedimento diferencia-se da lipo aspirativa, onde, mediante cirurgia, introduz-se uma cânula, aspirando a gordura por sucção.

O ácido deoxicólico é uma substância presente no próprio corpo humano, mais precisamente nos sais biliares.

O seu mecanismo de ação caracteriza-se pela quebra da membrana das células adiposas, popularmente conhecida como gordura, estimulando uma cascata inflamatória, eliminando resíduos celulares e adipócitos.

Portanto, a medida que o ácido deoxicólico atua na região lipoaspirada, esses resíduos se dissipam sistematicamente, sendo excretados pelos rins.

Como é feita a lipo enzimática de papada?

Primeiramente, para saber a necessidade da realização da lipo enzimática de papada, é necessária a avaliação do dentista. Esta avaliação consiste em:

  • Analisar a condição de saúde do paciente;
  • Analisar seu estilo de vida;
  • Avaliar a quantidade de gordura existente na região da papada;
  • Avaliar a região da aplicação da enzima.

Posteriormente, o dentista realizará as marcações nos locais de aplicação, sendo esta realizada por microagulhamento.

Sendo assim, o ácido deoxicólico é injetado nas marcações prévias até atingir o tecido subcutâneo adiposo da região submandibular do paciente.

Quantas sessões são necessárias?

Os resultados esperados para o procedimento da lipo enzimática de papada podem depender, variando entre 3 a 6 sessões.

Estas sessões, devem seguir um intervalo de 20 a 30 dias após a aplicação da enzima, sendo que, estes resultados variam conforme a fisiologia de cada paciente para surgirem.

Aplicação da enzima dói?

A aplicação da enzima na papada é indolor, porém a introdução da agulha e a ação do ácido deoxicólico no momento da administração, podem gerar ardência local no paciente.

Isso se deve a ação da enzima, que, ao metabolizar os adipócitos (células de gordura), quebra a membrana celular desta, para realizar sua dissolução.

Quais os riscos da lipo enzimática de papada?

Após a aplicação da enzima na papada podem ocorrer vermelhidão (eritrema), dormência, ardência, hematoma local e edemas (inchaço). Além disso, pode ocorrer dificuldade para engolir, em poucos casos.

Isso se deve ao desencadeamento da cascata inflamatória, pois esta, auxilia na eliminação de resíduos advindos da ação da metabolização da enzima, logo após sua aplicação.

Portanto, nesse caso, recomenda-se realizar compressa de gelo local, de modo a diminuir os desconfortos gerados após o procedimento.

Entretanto, vale ressaltar que durante o tratamento, o paciente deve:

  • Usar filtro solar com proteção mínima de FPS 30;
  • Usar roupas leves;
  • Evitar comer carne de porco e frutos-do-mar.

É importante ressaltar que o paciente deve evitar a exposição solar após a aplicação, pois este contato, pode favorecer o aparecimento de manchas na região do procedimento.

Quais os benefícios da lipo enzimática de papada?

Os benefícios da lipo enzimática de papada são:

  • Dispensa a necessidade de internação;
  • Procedimento pouco invasivo, devido à sedação e anestesia serem apenas no local da aplicação;
  • Não há necessidade de alteração na rotina do paciente;
  • Por se tratar de um procedimento estético, gera bem-estar ao paciente;
  • Elimina o aspecto de queixo duplo na face do paciente;
  • Gera afinamento do rosto;
  • Melhora aspectos gerais da pele do paciente.

Contudo, há contraindicações para a realização da lipo enzimática de papada. São elas:

  • Aplicação em gestantes e lactantes;
  • Aplicação em pacientes com disfunções renais e portadores de doenças cardiovasculares;
  • Aplicação em menores de 18 anos;
  • Pacientes com nódulos tireoidianos e que apresentem cistos na região submandibular.

Além disso, vale ressaltar que pacientes que apresentam flacidez na região do queixo, não devem realizar este procedimento, pois, a aplicação da enzima visa reduzir a gordura existente nesta região.

Para tratar a flacidez existente na região do queixo, ou seja, submentoniana, o dentista irá ofertar tratamentos específicos para resolução deste.

Portanto, cabe ao profissional, orientar e esclarecer o paciente acerca da sua queixa principal, a fim de ofertar um tratamento resolutivo e satisfatório para este.

Quanto tempo dura o efeito da lipo enzimática de papada?

A lipo enzimática de papada não apresenta uma duração de tempo preciso, pois, ao atingir o resultado desejado, as células de gordura só recidivam, caso o paciente ganhe peso.

Indica-se o acompanhamento multiprofissional neste caso, pois favorece aos paciente, melhores e duradouros resultados.

Entretanto, é necessária uma alimentação saudável, aliada à prática de atividade física a fim de prolongar a duração deste procedimento.

Portanto, cuidados geridos na qualidade de vida e autocuidado, garantem a longevidade deste tratamento.

Quanto custa este procedimento?

Para que o dentista possa precificar a lipo enzimática de papada, primeiramente deve-se avaliar o paciente a fim de quantificar o volume de enzima utilizado em cada sessão.

Posteriormente, avaliar o número de sessões necessárias de modo a obter o resultado desejado das aplicações da enzima na região do queixo.

Portanto, o valor investido na lipo enzimática de papada dependerá da condição fisiológica existente em cada paciente, bem como sua resposta ao tratamento.

Ademais, diante da individualidade de cada paciente, definir o investimento para este procedimento, torna-se uma questão complexa, pois este irá variar diante de inúmeras questões.

Concluímos, portanto, que os benefícios da lipo enzimática de papada apresenta maiores vantagens quando comparadas ao procedimento cirúrgico, pois não é invasivo e os resultados obtidos são equiparados nas duas modalidades.

Por fim, este procedimento visa reduzir a sensação de queixo duplo, devolvendo de forma simples e não invasiva, qualidade e bem-estar na vida dos pacientes.

Ainda está em dúvida?

Faça o teste gratuito agora por 7 dias.